Sistema Metropolitano

Notícias

Voltar

Segurança para ir e vir em tempos de pandemia

Tribuna do Paraná - 31/01/2021

A Metrocard lançou o manual Transporte Metropolitano Seguro com diretrizes para passageiros, motoristas, cobradores e outros profissionais das empresas de ônibus

O transporte público foi considerado uma atividade essencial em praticamente todo o Brasil, mesmo durante o período mais crítico de isolamento social em 2020. Dados da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (COMEC) mostram que, em um único dia, atualmente, 160 mil pessoas utilizam os ônibus nos terminais metropolitanos. Para que os clientes e colaboradores do sistema da Região Metropolitana de Curitiba (RMC) possam seguir suas rotinas de forma tranquila e segura, a Metrocard lançou o manual Transporte Metropolitano Seguro.

Priorizar o transporte público é uma questão essencial para o desenvolvimento das cidades em todo o mundo. No Brasil, o reflexo vai muito além da questão do deslocamento, pois está diretamente relacionado à sustentabilidade. Um estudo de 2018 elaborado pela Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU) mostrou que o Brasil poderá reduzir em até 132 milhões de toneladas suas emissões de gás carbônico (CO2) na próxima década se investir em transporte público. O resultado previsto alcançaria uma redução de até 43% nas emissões de gases de efeito estufa até 2030.

DEMANDA

Com o retorno gradual das atividades presenciais, os protocolos de higiene e limpeza dos veículos foram  atualizados e reforçados pela Metrocard em um manual que traz dicas, orientações e protocolos de segurança adotados pelas 18 empresas de ônibus que operam as 323 linhas que atendem aos municípios da RMC.

Buscando manter a qualidade e a segurança do serviço, o material ainda reúne regras de cuidados que devem ser adotadas por colaboradores, responsáveis pelo serviço e pelos próprios passageiros do transporte coletivo.

PÚBLICOS

O Transporte Metropolitano Seguro reúne orientações específicas aos passageiros, motoristas e equipe. No caso dos passageiros, o destaque é para a adoção de práticas já comprovadamente eficazes, como o distanciamento social, o uso de recursos como máscara e álcool em gel e também a utilização do cartão transporte Metrocard, que é um item de uso individual.

Os motoristas foram orientados a informar seus superiores caso apresentem qualquer sintoma atípico. Além disso, os profissionais precisam monitorar a disponibilidade de álcool em gel para os clientes, mantendo os recipientes sempre cheios.

Já as equipes de limpeza e higienização receberam orientações para garantir a desinfecção dos ônibus, tubos e terminais. Para isso, são usados produtos especiais de longa duração, sempre seguindo as corretas técnicas de aplicação e uso de equipamentos de proteção individual. Os profissionais da limpeza também são orientados a adotar padrões de segurança durante toda a jornada de trabalho, para garantir o bem-estar de todos.

Com base no protocolo de segurança da Metrocard, a Tribuna do Paraná listou algumas das principais medidas de prevenção a serem adotadas tanto por quem, aos poucos, retoma as atividades do dia a dia quanto por quem – mesmo diante da pandemia – não pôde parar.

VEJA ALGUMAS DICAS

1 – Sempre que possível, utilize o transporte público fora dos horários de pico: para evitar aglomerações no transporte público, diversos estabelecimentos comerciais e de serviços alteraram seus horários para permitir que os colaboradores possam usar o transporte em horários de menor demanda. Se possível, ajuste seus horários aos momentos de menor fluxo.

2 – Se o ônibus vier muito cheio, aguarde o próximo: sempre que for possível e a agenda permitir, dê preferência por veículos que estejam com um menor número de passageiros.

3 – Utilize o cartão Metrocard: o cartão de transporte é uma forma de evitar o contato com o dinheiro em papel ou moeda, que circula pelas mãos de um número incontável de pessoas. O cartão Metrocard é um documento de uso pessoal e intransferível, ou seja, uma segurança a mais para o passageiro.

4 – Se tiver familiares com sintomas de Covid, evite o transporte público: qualquer pessoa que tenha algum familiar doente deve evitar o contato com outras pessoas, seja no transporte público ou em qualquer outro local. Nesse caso, a dica é: fique em casa e redobre os cuidados.

5 – Lembre-se das regras básicas de higiene, como a assepsia frequente das mãos e o uso de máscara: O conjunto máscara + álcool gel + higiene adequada é eficaz e ajuda significativamente na prevenção de inúmeras doenças.

Conheça outras dicas de segurança contra o COVID-19 aqui.

Canais de Atendimento
Chat WhatsApp